Nome de utilizador:
Palavra-passe:
(Fechar)(Recuperar palavra-passe)

Autor:         Data de Publicação: 31Dez2013 08:17:25         Comentários: 0        Ler na origem: http://dianabalis.blogtok.com/
Um dia como outro qualquer

1230926788833_f.jpgUm dia como outro qualquer

Certamente não o é.

Nem dia de rasgar, limpar, repensar e agir

Sim, pode ser.

Ano Novo, 2014, agita-se.

Mares e à maré, ambos nem "estão assim para o peixe".

Penso que em dia como este, em que os problemas nunca acabam, eu preciso descansar...

Por todos os lados, em cada canto do Mundo, vemos os problemas e precisamos de soluções.

Ontem fui solidária e desesperadamente solitária com as questões de meu prédio que dura por 50 anos, sim, faltava água.

Em pleno fim de ano, dia 30 festivo, nós subimos no telhado com a chuva e relâmpagos,  e olhamos as bombas

d´águas, verificamos as caixas d´água, foi quando repensei à vida, debaixo de um guarda-chuva colorido.

Precisamos sempre cuidar da casa.

Do corpo e da alma.  

Trataremos de rever os conceitos e democratizar com eficiência.

Não queremos mais ditaduras no Mundo de hoje.

Desejo pouco, muito pouco,mas pretendo realizar muito.

Atitudes do bem,

Fora com o desperdício e a ganância,

Fora corrupção de políticos e interesses de cobiça no que é do outro.

Será que nesse Mundo em 2014, tudo vai ser diferente?

Assim como os problemas de um prédio, tudo depende de manutenção, saberemos onde ir e como mudaremos as coisas.

Eu desejo sinceramente, conscientização do outro, diálogo e muita disponibilidade de mudarmos a nós mesmos em atitudes de esperança, chega com a falta de respeito e atenção ao outro.

Para vivermos melhor a vida, necessitamos rever os conceitos mundiais e situacionais, criaremos melhores soluções aos problemas atuais,

Tento entender um prédio, minha família, e como vai à vida do vizinho,

E respeito as nossas diferenças.

Vou buscar ser mais solidária sempre.

Pode ser que amanhã, tudo mude ou os problemas diminuam

Mas hoje, o que pretendo, são boas soluções ao meu alcance.

Viveremos em harmonia

E que a companhia na porta toque, para desejarmos um Feliz Ano Novo para todos os vizinhos .

Feliz 2014, Paz, Saúde e Prosperidade, sem jamais perdermos a esperança e a solidariedade.

Rio de Janeiro, 31 de dezembro de 2014. Diana Balis.



 

Mais de Dinheiro
© 2017. Todos os direitos reservados | Política de privacidade | Contactos | Tecnologia Nacional [PT]